Receita Federal faz alerta contra golpe do leilão

Receita Federal faz alerta contra golpe do leilão

 A fraude tem sido realizada em Minas Gerais, e os alvos são prefeituras e outros órgãos municipais, segundo a Receita

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Receita Federal alerta para tentativas de golpe que oferecem supostas vantagens em leilões eletrônicos. A fraude tem sido realizada em Minas Gerais, e os alvos são prefeituras e outros órgãos municipais, segundo a Receita.

Os golpistas se apresentam como servidores responsáveis por leilões que seriam organizados pela Receita e informam que há um certame disponível e que, mediante pagamento prévio, conseguem oferecer vantagens à vítima.

O órgão afirma que não entra em contato para informar sobre a realização de leilões e que o único canal disponível é o Sistema de Leilão Eletrônico, que é acessado pelo e-CAC (Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte).

Durante o contato, o golpista informa o nome e cargo de um servidor realmente ligado à Receita e oferece alguma vantagem para o leilão, com uma mercadoria ou um maquinário que possa ser de interesse da cidade, por exemplo.

A fraude inclui perfis falsos em redes sociais para reforçar a existência do suposto servidor e aumentar a sensação de credibilidade. Caso a vítima concorde com a proposta, o golpista pede um depósito de R$ 2.000 e depois desaparece com o dinheiro.

Em nota, a Receita diz que o pagamento de mercadorias arrematadas em leilão é feito exclusivamente por meio de Darf (Documento de Arrecadação de Receitas Federais), sem depósitos ou transferências para contas de terceiros.

O órgão informa que quaisquer outros sites ou formas de contato que utilizem o nome e logotipo da Receita Federal são falsos. Para obter mais informações sobre o Sistema de Leilão Eletrônico, o cidadão deve acessar o site oficial do órgão.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem